terça-feira, 28 de janeiro de 2020

Até já!




Vamos ali acima num instante e já voltamos!

 
 
.
 
Djonsnho Cabral, Os Tubarões
 
 





sábado, 18 de janeiro de 2020

Já cá faltava...



Já cá faltava mais esta! E logo no primeiro dia do novo ano! Já bastava o velho frigorífico, que com as cheias de fins de Novembro curto-circuitou e lá foi para a reciclagem num transporte camarário; já chegava a tristeza dos onze cedros que, pelo temporal do solstício deste inverno foram derrubados sem dó nem piedade, desnudando-nos a intimidade dos vizinhos e vice-versa; agora foi a vez do velho carro, amigo prestável durante 22 anos sem dar grandes preocupações, antes cumprindo o seu papel com muito denodo.
Acabou. Foi embora. Sucumbiu. Finou-se. Morreu.
Já cá faltava esta!

.
Nocturno nº20, Chopin (Maria João Pires)


domingo, 12 de janeiro de 2020

A velha nespereira


 
A nespereira risonha, feliz, primaveril avant la lettre,
amenizando os passados dias de tempestade

.
Tenderly, Bill Evans Trio
 
 

 

segunda-feira, 6 de janeiro de 2020

Fim das Festas Natalícias


E para o ano...há mais Natal?
E os Reis Magos...chegarão?
 
 
.Primeira Cantata de Natal, Fernando Lopes-Graça, Coral de Letras da Universidade do Porto
 


domingo, 29 de dezembro de 2019

Depois da tempestade




O sol, sardónico, veio a correr espreitar o que a tempestade de 
dia 18, violenta e inclemente, fez às suas irmãs árvores que,
 derrotadas, choram ao rés do chão.
Com elas choramos nós também.
 
 
 

Eine kleine Nachtmusik, Serenade, Mozart

 
.
 
 
 


domingo, 22 de dezembro de 2019

Boas Festas


Boas Férias para quem as tenha,
 Boas Festas para crentes e ateus
 
(ilustração de Alex Gozblau, 
no artigo O Burro do Presépio e todos os outros,
de José Tolentino Mendonça,
Revista E de 9/11/2019)

 
 
 .Cantatas de Natal, Coro Infantil da Universidade de Lisboa, Fernando Lopes-Graça
 

domingo, 15 de dezembro de 2019

Manhã de Nevoeiro



 
...mas ninguém apareceu
nem rei nem plebeu…


.Prelude No.1Brouillards, Debussy