domingo, 15 de abril de 2012

Troféu


Vá lá, brinca mais um bocadinho comigo! Anda, mexe-te, nem pareces um coelho!

Olha, FazdeDono, ele se calhar está cansado, não se quer mexer. Assim a brincadeira deixou de ter piada. Ofereço-to, assim quietinho,como prova do meu afecto por ti e do meu empenhamento cívico!
.
(Fotos do FazdeDono)
.
My funny Valentine, Gerry Mulligan Quartet with Chet Baker

32 comentários:

lino disse...

Cuidado com a bichinha que anda por aí a morrinha dos coelhos!
Beijinho

jrd disse...

Cuidado com a moléstia!
;)

Graça Sampaio disse...

Mounty, tens mais uma amiga? Trata-a bem que também é fofa como tu.

Muitos ronrons.

Maria disse...

Têm que mostrar ao Mounty uma foto do dito, daquele, dele mesmo. Para ver se lhe faz o mesmo...
Ah, Mounty!!!!! até te pegava ao colo sem pensar nos espirros...

:))))))

Sara disse...

Com certeza, Mounty: companheiro ou adversário sem reacção não estimula o pessoal :)))
Embora tenha de concordar que certos coelhos poderiam manter-se na toca, imóveis e arredados da vida pública, para benefício de muitos e muitas :(
Boa semana para os três!

anamar disse...

Mas é um coelho de verdade???
Que cumplicidade.
:))

greentea disse...

tenho de arranjar um coelhito desses para o Browny brincar ! ele gosta imenso dos gatos aqui da rua , fazem esperas uns aos outros ...

greentea disse...

agora é que vi : anda moléstia nos coelhos ?? ´+e pena que só chegue a alguns ...

Lilá(s) disse...

Nem acredito Mounty! como é possível?
cá em casa já há gritaria cada vez que o Linus apanha um pardal, imagino como seria com um coelhinho...
Bjs

mfc disse...

Gosto destas histórias giras e ternas que constróis com o teu bichano!

Graciete Rietsch disse...

Os coelhos são perigosos, mesmo aparentemete calmos.
O Mounty um amor.
A música, um encanto.

Um beijo.

salvoconduto disse...

Não é vão que se diz que quem não tem cão caça com gato, além de tudo é mais ecológico evita-se o chumbo...

Rosa dos Ventos disse...

Lamentando a morte deste coelho inofensivo, espero que o Mounty ponha os olhos noutro bem maléfico e convoque toda a bicharada para o atacar! :-))

Abraço

trepadeira disse...

Só nos está a ensinar.O outro temos de apanhar nós.

Um abraço,
mário

Cenourit@ disse...

A paixão dos gatos... caçar nem que seja um mosquito!

Os coelhos dessa zona que se ponham a pau com o Mounty por perto ;)

Beijocas***

Clarice disse...

Ele caçou o coelhinho? Vai ver vocês disseram a ele que esperavam por um coelho quando ele estava perto.
Beijos

R. disse...

Haja "empenhamento cívico", que muita falta faz. Sobretudo quando os coelhos que deviam proteger-nos parecem empenhados em tomar-nos por inimigos...

Abraço e boa semana.

Sam Seaborn disse...

inimigos por instinto” nem sempre coexistem na mais perfeita das harmonias...
Abraço e bom início de semana

Vítor Fernandes disse...

E o coelho é a sério? E estava a fazer-se de sossegadinho? LOL, que giro.

Evanir disse...

Senti vontade de te oferecer o calor do sol e o brilho das estrelas.
Mas pensando bem, prefiro agradecer tua amizade e dizer que você é meu presente,
um ser iluminado que consegue trazer ao meu mundo grande carismae alegrias.
Você realmente representa a palavra " AMIZADE " É belissimo ter vc comigo !
Seu carinho e sua amizade me faz muito bem.
Muitas bençãos e vitórias pra você nessa semana.
Que Deus guie seu caminho hoje e sempre.
Carinhosamente te desejo uma semana de paz e na luz.
Beijos no coração.
Evanir.

Justine disse...

Sinto necessidade de esclarecer os amigos que passaram por aqui, para que não haja equívocos: o coelhinho não é a fingir. É de facto um coelhinho bravo a sério, morto pelo Mounty numa das suas caçadas diárias. Este ano já é o 4º que ele me oferece,agora anda virado para os coelhos(deve ser da crise!), apesar de eu lhe explicar com toda a paciência, todas as vezes que me aparece com o troféu de caça, que ainda não foi desta que ele caçou o coelho certo...
Abracinhos a todos:-))))

Mar Arável disse...

Se o gato limpou o coelho

estamos todos de parabens

R. disse...

Um abraço grande e os votos de uma óptima viagem. Estou certa que a, confirmar-se, a visita a Haia não decepcionará :)

(Se for uma visita inaugural, aconselho vivamente a casa museu de Escher, um (ou vários) passeios a pé pela cidade (que é monumental, tanto no que toca à arquitectura flamenga quanto à arquitectura moderna) e um salto ao palácio da Justiça sem esquecer de fotografar o monumento à Paz, onde pode encontrar-se o nosso país representado).

Um beijinho.

São disse...

rrsss rrsss

Ai, seria bom se todos os coelhos assim fossem e nem sequer dessem passos...

Bom resto de dia

São disse...

Ah, tens que dizer ao Mounty que quem é realmenet importante caça elefantes , como Juan Carlos..e para caçar coelhos, mas vale caçar um só : o dito, rrss

Festinhas ao Mounty

jawaa disse...

Ai, Mounty, desculpa lá, mas deu-me um baque quando te vi. Sabes, é da idade. Ando desesperada a pensar nos passarinhos que aqui fazem ninho (tolos!) nas roseiras e que deviam já saber que há por aqui bichanos, agora em dobro. O meu pai, meu rei, também ia aos elefantes e eu achava o máximo quando tinha menos um zero na idade...
Mas tu és um bravo, bem chamas aí a atenção aos teus donos que há um coelho a esfolar, mas eles não se mexem!

faz-de-dono disse...

Vês, Mounty, eu bem te disse. Vens-me com essa do empenhamento cívico e interpretam logo mal. O homem está a ficar popular...
Uma coisa é certa, teremos de ter mais cuidado com os comentário aos passos na televisão, porque levas tudo muito a sério.
Vai é espojar-te nas relvas, afiar as unhas na pereira, arranha as portas e vai mas é brincar com as cristas das galinhas poedeiras, mais cedo que tarde. Ah!, não tragas para aqui esses cavacos do quintal, já não fazemos lareira. O quê?, o Gaspar? Ah!, raspar o tacho? Podes... como se tu precisasses de autorizações.

João Roque disse...

Podias ter escolhido um peluche mais "simpático"...
Fosse eu o Mounty e tinha-o esventrado todo de uma vez...

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Ó Mounty!
Ofereço-te uma caldeirada de peixe fresquinho se esgadanhares um coelho que eu conheço. Aviso-te desde já, que ele teve uma enorme paixão por duas gatas brancas,mas a história dessas gatas acabou muito mal. Um dia ganho coragem e conto a história lá no meu Rochedo.
Mas antes tens de o esfolar, ok?

Duarte disse...

Tive oportunidade de ver o Mounty em acção, tem maneiras de bom caçador. Não pode aceitar situações assim, não condiz com a sua condição felina...
Um mimo pra Mounty.
Beijinhos para tim querida amiga

Lídia Borges disse...

Pois é! Dava mesmo jeito que o Mounty caçasse o coelho "certo" :))


Troféus de caça, também recebi alguns do meu gato "Gaspar" (sem Vítor, :) mas nunca de tão significativo volume.

Um beijo

Humana disse...

andava a pensar contar no blog uma história semelhante a esta, mas com um final que eu consideraria feliz: o eu gato llugh trouxe-me, na passada quinta-feira, um coelhinho bravo, bebé, ileso. andei a alimentá-lo e estava a preparar-me para o ir entregar num parque natural, quando ele fosse autónomo. infelizmente, hoje de manhã estava morto.saudades da mãe e dos restantes elementos da ninhada, recusa a viver em cativeiro. mesmo em tão pouco tempo, já estava afeiçoada ao seu ar vivo e curioso e ao seu olhar tão terno.
um abraço, justine - e festinhas ao mounty.