domingo, 24 de junho de 2018

Aspirações




A tentação de vencer a efemeridade

 
A arrogância de querer parar o tempo
 

O fascínio de fotografar a luz
 
.
Blue Jewels, Anouar Brahem Trio
 
 
 

 

7 comentários:

Luis Filipe Gomes disse...

É sempre a busca da luz que move o melhor da Natureza e da Humanidade.

zambujal disse...

... a alegria de te ter por aqui...

Graça Sampaio disse...

Gosto especialmente da imagem da efemeridade - lembra sempre Ricardo Reis...

SILO LÍRICO - Poemas, Contos, Crônicas e Outras disse...

Lindas, as efêmeras rosas!
Rubras da cor do amor
Em todo aquele esplendor
Que fenece e as vistosas

Flores que tu as esposas
Aos olhos, conforme for
Passando as horas, a cor
Já não serão tão vistosas.

Se na vida tudo passa,
Nós passaremos. É graça
Estarmos vivos e assim

Vivamos pois o presente
Único bem que se sente
Como nosso e terá fim.

Linda postagem, Justine. Lembrei de teu blog por eu ter sido eleito em academia de letras e orgulhoso, lembrei-me de ser humilde, pois Lawrence Durrel dizia no "quarteto de alexandria" que o homem é uma vaidade sobre um par de pernas. Parabéns pela postagem maravilhosa. Abraço grande. Laerte.

jorge esteves disse...

Exercício fotográfico de resultado pleno! Uau!
Abraço!
jorge

www.tintapermanente.pt

Isabel disse...

Belíssimas fotos! E gostei muitíssimo das legendas:))

Beijinhos:)

Duarte disse...

Luz e sombras, a minha batalha no mundo da arte: mas lá o vou dominando.
Boas fotos, e lá vais conseguindo esses belos contrastes.
Beijinhos, querida amiga.