sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Reflexos




Um gato pode ser apenas um reflexo.
De um desejo ou de um bocejo.
De uma alegria ou de uma alergia.
De uma paixão ou de uma ilusão.
Ou de si próprio, perante o perplexo reflexo da fotógrafa!
.
Almost like being in love(Sonny Rollins with the Modern Jazz Quartet)

40 comentários:

Rosa dos Ventos disse...

Ai o Mounty que não vai gostar nada destes "intrusos"! :-))
Belas fotos e não menos belas e acertadas palavras!

Abraço

Patti disse...

Bem, mas esses olhos céu são tudo!

Fernando Samuel disse...

Reflexos da beleza... reflectida...

Um beijo.

cristal disse...

Lindo, tudo. Nota-se o reabastecimento de paciência? De qualquer modo, cuidado com os ciúmes do Mounti...

MagyMay disse...

Reflexos... nexos.
...ando a reflectir em ter um companheiro felino...

Beijo e abraço, Justine

Mar Arável disse...

Tudo belo

ao entardecer

Bj

com senso disse...

Que olhos felinos belissimos, que jogo poético tão perfeito e que prazer ficar a ouvir o Sonny Rollins...
Minutos valiosos os aqui passados!

poetaeusou . . . disse...

*
saudações
da Diana (11 anos)
e a Ruca ( 6 anos)
as minhas Gatinhas . . .
,
conchinhas, deixo,
,
*

o tudo que pode ser disse...

Ora aqui está uma prosa que não foi escrita com os pés!
Prosa? Diria mesmo um poema, que é muito mais que prosa encavalitada e/ou como rimas. Pode ser - e é - o perplexo reflexo de si próprio, de quem fotografa... e dos gatos numa janela de Paraty.

Permite-me os parabéns?

salvoconduto disse...

Têm mesmo pinta de gato brasileiro, fotografados por uma Olympus, numa segunda-feira de um mês de Dezembro qualquer. Se o relógio da máqina estivesse certo seriam 20 para as 14h. Não estando é só corrigir para o fuso horário. Certo?
Bom fim de semana.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Este ( o da direia) é parecido com a minha velhota, a Xarabaneca. Só que o olhar dela hoje é tão baço, que perdeu aquele ar inspidor tão característico dos gatos.
O Mounty viu a foto? Cheira-me que vai fazer uma cena de ciúmes...

Duarte disse...

Curiosidade, uma das suas características...
Mas fotogênicos.

Sem duvida uma boa reflexão.
Já que assim são.

Que continues em franco progresso.

Um grande abraço

pinguim disse...

Eu gosto muito de cães, mas com os gatos fico extasiado...

GR disse...

Sempre o registo fotográfico de uma profissional.
Lindos gatos, com um olhar enigmático…lindos.
O Mounty vai ficar zangado, o melhor é ele não ver as fotos.

Um grande Beijo,
GR

bettips disse...

Tão bonitos que podiam vir com as chávenas (no bolso). As fotos casam, ou vivem em comunhão, de facto, com as palavras.
Melhorando a contagem dos dias ...
Bjinho

Há.dias.assim disse...

Ah! se o Mounty sabe que anda outro gato no blogue...
Adoro todos os gatos. São belos!

mdsol disse...

Mais do que tudo conta o teu modo de contar. Gosto muito, já te tinha dito?
Quanto ao Mounty... olha ... beijinhos aos três!

:)))

Lilá(s) disse...

E haverá reflexo mais lindo?
Bjs

intimidades disse...

este vai ser inteiramente dedicado a limpezas, quando se passa tanto tempo fora de casa, quando volto, la vao limpezas hehehe

Tem um fim de semana divertido

Adoro os gatos

Beijos
Paula

M. disse...

Gosto destas fotografias completadas pelos teus reflexos pensados e ditos.

legivel disse...

um gato é um par de olhos em guarda
uns bigodes e um rabo a-dar-a-dar;

é um novelo de pêlos
e o salto inesperado pelo ar.

são amigos de longa data
o gato e a espinha de peixe.
fazer-lhe uma festa ou agarrar-lhe a pata
é preciso que ele deixe.


Teresinha Madureira, poetisa e fundadora da ONG Matemos a Fome aos Gatos Ensinando-os a Pescar.

Abraços e sorrisos.

samuel disse...

Quem está dentro? Quem está fora?

Beijo.

tulipa disse...

Belos reflexos.

Lindos gatinhos.

Tenho um desafio num dos meus blogues, espero por ti para o decifrar.
Boa semana.

Humana disse...

as expressões dos bichanos, na 1ª foto!

justine, daqui a uns dias hás-de dançar o cha-cha-cha, com canadians e tudo. :)))

um abraço - e votos de boa e rápida recuperação.

Humana disse...

corrijo: canadianas

JPD disse...

Brilhante!

Texto e fotografias simplesmente excepcionais.

Saudações

greentea disse...

venho de casa da irmã, agora sozinha com tres gatos, todos eles abandonados, todos eles o reflexo da ternura e reconhecimento q sentem pela dona que os acolheu, ciosos dela todos tres e ao mesmo tempo tentando compensá-la da perda do marido , da partida dos dosi filhos...

arabica disse...

Tanto um gato pode ser!
Este parece-me um grande cusca ;))

Beijinhos e votos de uma semana a passar a cem à hora :))

Teresa Durães disse...

hu... gatos... enquanto forem mesmo só um reflexo :)

JOSÉ RIBEIRO MARTO disse...

O teu gato é ESPECTACULAR!
Já posso dizer que o conheço de ginjeira!
________ JRMARTO

Licínia Quitério disse...

Que fotos! Que reflexos! Que olhar o teu! Queridos, queridos gatos.

Beijinho.

Rosa dos Ventos disse...

E assim o tempo vai andando...contigo também a andar, apesar de quase manietada! :-))
Quanto tempo falta?

Abraço de ânimo

intimidades disse...

ora o que interessa e que te divertes :P

e ja tas melhor?

Beijos
Paula

utopia das palavras disse...

Excelentes fotos, no reflexo das palavras de quem conhece como ninguém estes seres maravilhosos!

Beijo

augusto, um entre mil disse...

Como felino saltei da janela da Arábica para esta.


E, ou é janela de r/chão ou a fotógrafa tem asas.

mena m. disse...

Um espanto, esses olhos espantados!

Presumo que sejam telepatas estes gatos( lindos são no mínimo) e se tenham espantado com o que te leram no pensamento...

Eu também fico com o que aqui vejo e leio!

Beijinhos

GR disse...

Passei só para te dar um beijinho e continuação das melhoras,

GR

Sofá Amarelo disse...

Curiosidade vista por olhos azuis atrás de quadrados de janelas reflexas de ilusão ou de paixão..

Rui disse...

Fica intrigado o reflexo quando se olha no vidro e vê um gato.

Alien8 disse...

Pode, sim, pode ser isso tudo. Mas há por aí quem os não compreenda. Gente com penas... Que pena! Não é, Teresa? (Com licença da Justine).

São uns belos reflexos.

Um bom resto de semana e de recuperação.