sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Carências


Queres que eu saia daqui, Donaminha? Porquê? Estou aqui tão bem, ao pé de ti...

Organizar as fotos de Alexandria? Logo vi, não falas senão na viagem! E eu? Quero atenção!

Olha Donaminha, só saio daqui se me fizeres muuuuuiiiitas festinhas...


Isso, mas ainda não chega. RonRonRon, RonRonRon.

Que bom, Donaminha...estou quase a adormecer. Ah não posso?

Ai, não vale beliscar, eu vou-me embora. Organiza lá as fotos de Alexandria. Que seca, estes regressos de férias!
.
My funny Valentine,Gerry Mulligan Quartet











34 comentários:

Fernando Samuel disse...

Que seca estes regressos de férias: tão bons estes regressos de férias...

Um beijo.

Zélia Guardiano disse...

Justine
Não poderia haver post mais lindo, mais singelo, mais gracioso...
Fico verdadeiramente encantada!
Tenho, não um gato(adoraria!), mas minha cachorrinha Babette, que também faz suas pirracinhas e eu me derreto de gosto...rs...
Como os animais alegram nossa vida!
Beijos, querida amiga!

Anónimo disse...

Que bom terem chegado bem!
Que ternura de gatinho!
Agora fico à espera do relato das férias de sonho.
Beijo, Joana

Licínia Quitério disse...

Ó Mounty, tem lá paciência. E, por favor, não faças como a Pequenina que se deita de lado e ao comprido sobre o teclado e depois escreve hhhhhhhhhhhh uuuuuuuuuuuuuu.
Percebes?

Dá um beijão à Donatua.

al disse...

Será que ele andava à procura d0 rato?
Beijos.

Maria disse...

Pois é. Agora quer a atenção toda para ele... é sempre bom o regresso a casa.

:)

mdsol disse...

Tantas saudades!!

Beijinhos

:)))

Sara disse...

Provavelmente, o Mounty não estará a querer ser empecilho. Pode ser que apenas esteja muito curioso em relação às imagens da cidade percorrida pela personagem que inspirou o seu nome :))

Eu estou! Muito curiosa! Espero que nos presenteie com algumas...

Bom fim-de-semana!

M. disse...

De papinho cheio, Dona do Mounty (e não só...)?

Lilá(s) disse...

Heheheheh coitado do Mounty ele só está a tentar chamar a atenção sobre ele, e provavelmente o ronrom ouve-se a km de distãncia, são uns fofos estes miaus.
Bjs

OUTONO disse...

Tão expressivo...

Anónimo disse...

Que saudades da tua carinha, meu querido Mounty!

Campaniça

Anónimo disse...

Querido Mounty,fico tola com a tua fotogenia e com o teu discurso.
O Kurica ainda está a restabelecer-se de graves combates travados,a Tita tem tanto medo de nos incomodar que nem mia,só mi,a Madalena aprendeu-se a beber da água corrente das torneiras e não faz outra coisa senão andar atrás de mim,porque ainda não sabe abrir as ditas.Muitas festinhas.Kinkas

R. disse...

Tão independentes quanto encantadores. Deixam-nos ao sabor das suas vontades. O calor do computador e da presença da 'dona-sua', tornam o sítio irresistível :)

Bom fim-de-semana!

Há.dias.assim disse...

Olá Mounty. Não faças como os teus amigos cá de casa. tenho o teclado com falta de teclas e cheio de pêlos...

segurademim disse...

pois é Mounty, a vida é feita disso mesmo

ausências e presenças, se assim não fosse, as presenças não eram tão valorizadas

;)

Duarte disse...

Vejo-o meditabundo, algo taciturno, devem ser as ditas carências!
Mounty, anima-te que estou seguro de que receberás as correspondentes compensações...

Querida amiga, beijinhos para ti

Rosa dos Ventos disse...

Que bom!
Voltaste, não é só o Mounty a ficar feliz! :-))
A minha "velhota" fez-me o mesmo...
São uma delícia!

Abraço

intimidades disse...

heheh o calorzinho do pc :)

sim concordo, organiza as fotos e partilha algumas hihih

Beijos
Paula

intimidades disse...

heheh o calorzinho do pc :)

sim concordo, organiza as fotos e partilha algumas hihih

Beijos
Paula

BlueVelvet disse...

Venho agradecer as palavras que deixaste no meu blog. Podes não acreditar mas foram direitinhas ao meu coração e fizeram-me tão bem como as festinhas ao Mounty.
Obrigada, Justine

Anónimo disse...

voltastiiii !!! :)

inté...
beijocassssss
vovómaria

Idun, a felina disse...

mounty, sempre me saíste um manhoso!... tudo te serve de pretexto para abusares do coração mole da justine e empanturrares-te de mimos.

é bom saber-te de novo em casa, justine; aguardamos pacientemente a organização das fotos e as revelações que se hão-de seguir.


marradinhas amistosas da bicharada do "pequeno jardim"

MagyMay disse...

E o Mounty, valoriza (na forma presencial) os espaços enquanto te organizas!

Bem... ou será a DonaDele que valoriza os momentos, enquanto se organiza?

Abraço à espera

Pitanga Doce disse...

Chega pra lá Mounty que pode ser que a Donaminha tenha fotografado uma gatinha jeitosa. Anda!

augusto, um entre mil disse...

pois é, quando estou a dormir também não gosto que me acordem. mesmo que seja para festinhas...

Patti disse...

Mimos e não só...tb há o quentinho que vem do computador e eles adoram:)))

JPD disse...

Quando tivemos o Florival cá em casa -- Um gato lindíssimo! -- a primeira coisa que ele fazia mal acabávamos de chegar era estender-se em cima da tampa do motor do carro.
A chapa estava morna.
Ele pelava-se por isso!

Boa noite, Justine

Vieira Calado disse...

O que é bom acaba cedo...

Saudações poéticas.

com senso disse...

Amiga Justine

Em primeiro lugar os meus agradecimentos pelas palavras generosas que deixou no meu espaço.
Depois este Mounty é de uma fotogenia impressionante e com tendência para a informática...
Estão óptimas as fotos e o Mounty só pode mesmo é estar feliz e com vontade da companhia da Donaminha!!!
Um beijinho com amizade

Rosa dos Ventos disse...

Será que tenho de ir aí abaixo para o Mounty sair de cima do computador e tu começares a mostrar-nos Alexandria?! :-))


Abraço

bettips disse...

Ele sabe!
Tão querido esse felino que se dá à mão que ama.

(sobre Alexandria ele também tem razão: que chatice aquelas fotos de tanto gato)

jawaa disse...

Não reclames, Mounty.
Ela foi de férias «ao seu lugar», ela precisa disso. E depois, é mais importante a qualidade, do que o tempo medido pelo relógio que ela passa contigo.
Ora pensa lá bem, herdeiro dos teus míticos ancestrais...
Lá, ela esteve sempre contigo!

Arábica disse...

Jardineira,

foi um prazer fazer a viagem através do teu olhar...! Com os donos do Mounty!

Talvez seja a capacidade de sonhar, o poder do imaginário de construir histórias dentro das ruas e trazer personagens dos baús da memória, que te levaram a sentir

"Deixem-me estar aqui. Que também eu contemple,
um pouco, a natureza - o mar, nesta manhã,
o céu azul sem núvens, de um e de outro a luz
onde se alonga a amarela praia."

...como se tivesse sido escrito por ti, há muitos anos, numa qq outra vida, que esta, não conseguiu apagar.

Pois não é verdade que quando se lê um livro, ficamos a fazer também parte dele? :)

Um beijo,