domingo, 13 de janeiro de 2013

Ano de 2013


E os valores? Os valores éticos?
Por onde andam os valores éticos?
 
 
.
Romance from Eine kleine Nachtmusik, Mozart, Berliner Philharmoniker (Karajan)
 




21 comentários:

Maria disse...

...........
e o que são valores éticos?
....................
Ando quase arrasada. O que é facto é que há gente que consegue o seu intento e quase dar cabo de nós.

:(

Rosa dos Ventos disse...

Andam num plano tão inclinado que brevemente estarão soterrados! :-((

Abraço

M. disse...

Não deixaremos que se percam.
Bela a imagem que escolheste.

Graciete Rietsch disse...

Vão escorregando aceleradamente pela ladeira.
Valha-nos a música!

Um beijo.

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Mas o que é isso de valore éticos, Justine? São os do PPC e do Relvas? Então não quero!
A ética é uma coisa que há muito se perdeu na política. Penso eu de que...

Clarice disse...

Ah, minha bela! Depois que o vulcão explodir veremos mudanças.
Grande abraço.

lino disse...

Estão a ir pela ribanceira abaixo!
Beijinho

jrd disse...

Não andam, estão há muito parados nas mãos desta gentalha que nos (des)governa.

pós-Sísifo disse...

Quais valores? Qual ética?
Onde tu foste meter o Mozart!

Os sub-entendidos "valores éticos" (que partilhamos) andam de escantilhão pela encosta de lava abaixo.
Cabe-nos a nós empurrar esses valores encosta acima, e ter aprendido a lição de Sísifo.

salvoconduto disse...

Lá tenho eu que ir ao dicionário mais uma vez, desconfio que nem aí, provavelmente já apagado tal palavra.

O Puma disse...

Boa memória

Bj

São disse...

Valores? Ética?

ESta gentalha que está no POder sabe lá o que são essas coisas...

Um abraço

João Roque disse...

Os comentários anteriores já disseram tudo, e mesmo que o não tivessem dito, bastava a tua foto para induzir que neste momento, esses valores são perfeitamente desprezíveis e é porventura este ponto de vista que tão oportunamente aqui deixas com as tuas perguntas, que mostram o quão baixo já nós descemos.

Luís Neves disse...

Companheira, esta é uma visita rápida, serve apenas para
apresentar e divulgar “o blog
2013 – Centenário de Álvaro Cunhal "
Esperamos visitas de retribuição e colaboração.
Os autores

bettips disse...

Um quebra-cabeças, um quebra-nozes. Essa ética escorregando.

Um dique, uma sementeira de plantas pequenas, um Ser de pé. Contra a erosão.
Bjinhos

anamar disse...

Rolaram mesmo ...
Boa metáfora a tua foto, minha amiga.

Tenho andado afastada, sem dar notícias, mas continuo a esperar por ti...

Beijinho

Ana

Lilá(s) disse...

Estão-se a perder e de que maneira...
Bjs

Mel de Carvalho disse...

Temo que num plano tão inclinado que tombem, inevitavelmente para o abismo.

Ainda iremos a tempo de inverter o curso dos rios, que, de secos, nos estrangulam, minha amiga?

Beijo com carinho
Mel

Duarte disse...

Se a ética sempre foi um bem escasso e em vias de extinção, o que podemos pedir ao hoje?!
O plano inclinado que aqui expões é uma prova da realidade que nos toca viver, cada dia mais íngreme.
Olha a roubalheira que nos acossa por estas latitudes. Que pouca ética e, menos vergonha...
Um abraço bem apertado que me ajude a suportar o pilar desta indignação que me assola

Anónimo disse...

Porque ouvi - um acaso - durante a tarde, um programa na Ant 2 sobre os 90 anos que faria Eugénio, me lembrei tb de ti:

"Este país é um corpo exasperado,
a luz da névoa rente ao peito,
a febre alta à roda da cintura.

O país de que te falo é o meu,
não tenho outro onde acender o lume
ou colher contigo o roxo das manhãs.

Não tenho outro, nem isso importa,
este chega e sobra para repartir
com os corvos - somos amigos."

Com bejinho da bettips
(e os valores éticos)

OUTONO disse...

...andam, por aí, nas consciências do esquecimento, no olhar sem destino...nessa vaidade do laissez faire...laissez passer...

Cheguei e parto, triste...mas consciente, que ainda há pessoas que se preocupam.

Beijo