domingo, 11 de janeiro de 2015

Desafio



A liberdade, desafiando a repressão
 com trinados e alegria!

.
Sur l'infini bleu, Anouar Brahem




16 comentários:

Benó disse...

O teu pensamento de hoje muito bem ilustrado.
Liberdade é, talvez, a palavra que mais tem sido usada nestes dias, mas ela tem que ser usada com respeito por ela própria.

Luis Filipe Gomes disse...

Por ironia iremos assistir a maiores constrangimentos e repressão em nome da liberdade. É como se substituíssem o arame farpado dos teus pardais por aquele outro que já não permite sequer que eles pousem.

lino disse...

Felizes os passarinhos!
Beijinho

Graça Sampaio disse...

Muito bonito! Poético.

Beijinhos e boa semana.

anamar disse...

desafio, sem fio...Uma questão de enorme equilíbrio.

Boa semana.

:)

M. disse...

Uma imagem linda que, na minha opinião, exprime bem como a liberdade é frágil e espinhosa.

São disse...

O pior é que a liberdade será restringida em nome de uma segurança impossível por várias razões...

Beijinhos e boa semana

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Se os homens se comportassem como os animais, ontem pelas ruas de Paris não teríamos visto tanta hipocrisia.

Isabel Lourenço disse...

Como eles sabem poisar ,com tanta elegância e equilíbrio!
Bela foto e acompanhamento musical.
ps.que passarinhos serão estes?Qual o seu chilrear?

Justine disse...

Bela, são passarinhos cabo-verdianos e cantam tão bem que até encantam :-))))))))

Lilá(s) disse...

Mas que belo!!
Bjs

jrd disse...

Não haverá arame farpado capaz de lhes cortar asas.

greentea disse...

bem me parecia que os passarinhos em África cantam com outro som, até as andorinhas que bem as vi por lá , livres, bem livres !!
nunca gostei de pássaros em gaiolas privados do que lhes é mais querido

Anónimo disse...

Que maravilha, não é? A poesia do áspero e do trinado. Aqui eles pousam na fiação elétrica, na falta de arame.
Tenho uma foto do gênero esperando um compositor para transformar em pauta.
Abraço e boa semana.

Duarte disse...

Deixa que entre a Primavera e então é que vai ser uma grande festa!
Abraços, querida amiga

João Roque disse...

Curioso, ver e ler este post hoje, um dia que pode e deve ser recordado como um possível regresso à "liberdade" na Grécia, onde o Syriza venceu as legislativas.