quinta-feira, 12 de abril de 2007


"Quem há-de abrir a porta ao gato quando eu morrer? Sempre que pode foge prá rua..."
(um doce a quem adivinhar o autor do poema, cujo excerto se publica acima!)

3 comentários:

GR disse...

António Gedeão!
Quem mais podia ser?

Mais uma foto, lindíssima!

GR

GR disse...

Desculpa esqueci-me de dizer;
Apesar de ser muito gulosa,
troco o doce pelo Mounty!

GR

justine disse...

Trocas o doce por uma festinha do Mounty, querias tu dizer. Pois então ganhaste!!
Tens é de vir "cobrar" o prémio ao Zambujal.
Cá te espero