quinta-feira, 11 de outubro de 2007

Gatos de telhado




Para mostrar que não sou facciosa, aqui ficam os gatos de telhado sem dono, que se passeiam pelo pátio da minha irmã tentando, em vão, comovê-la, e que eu não me canso de fotografar.
Lindos e graciosos como todos os gatos.


12 comentários:

Rosa dos Ventos disse...

A quem sai a tua irmã para não se comover?! ;-))

Justine disse...

Feitios... ela é mais "canina" que "felina"!

Rosa dos Ventos disse...

Será que alguma se chama Elisabeth Taylor?
É que me pareceu que havia por aí um telhado de zinco... ;-))

Abraço

Justine disse...

Coitados, nem nome têm, os pobres!
Mas vão tendo alguma comida, por isso vão rondando, dispensando mordomias...

Maria disse...

Que felinos mais bonitos....
(mas eu tb não me comovo...)

Beijo

TINTA PERMANENTE disse...

Diz a voz do povo que 'acima dos telhados só Deus e os gatos'...
Bonitas imagens!
Abraço.

Justine disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Justine disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Justine disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Justine disse...

Tinta Permanente, obrigada pela visita. Fiquei curiosa, fui "investigar-te" e encantou-me a brincadeira séria que fazes, nos teus blogues, com a língua portuguesa. Também és dos que ficam com brotoeja quando ouves calinadas?
Não te conhecia (conheço?), serás agora ponto de paragem no meu roteiro habitual

GR disse...

Mais parece uma passagem de estrelas famosas!
LINDOS!
O importante é terem comida, mas um miminho também era bom!

GR

campaniça disse...

Realmente, é preciso ser muito resistente para não sucumbir aos olhares ternurentos destes gatinhos, Mas, o essencial é a comidinha, porque não se podem levar todos para casa, embora, às vezes, vontade não falte.