quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

Bruxelas e os seus heróis





Velho de quatro séculos, conta-se deste menino (entre muitos outros contos) que salvou, com a sua natural e líquida necessidade fisiológica, a cidade de ser destruída por um inesperado incêndio. Tornou-se herói nacional.
E como o método parece ter resultado, pois não há memória de outros fogos nem antigos nem recentes, a municipalidade, por uma questão de segurança, decidiu espalhar pela cidade mais algumas "bocas de incêndio".
Em boa hora!
.
Bruxelles, Jacques Brel

34 comentários:

Van Dog disse...

Que giro. Não sabia.

cristal disse...

Muito bem visto :)!!!

Nocturna disse...

Eu acredito no velho dito popular: O Cão é o melhor amigo do homem(da humanidade).
Boa história, mas acredito que se fosse em Portugal, não tinham reagido da mesma maneira .
um abraço nocturno

Maria disse...

Hehehehehehe
O "maneken pis" com os seus dois palmos (?) de altura...
Ponto de referência em Bruxelas, sim...
:)

nuno leite disse...

Com "moules au point", e caminhadas imensas, tambem necessidades de ambos, humanos e animais... La lute continue(ra)!

salvoconduto disse...

Se o meu cão vê vai faz-me reclamar à câmara por fata de bocas de incêndio...

Sofá Amarelo disse...

Dir-se-ia que a Bélgica é a cidade do ... xixi!!!

Mas pelo menos eles não têm vergonha!

Um beijinho!!!

Rodrigo "Perdido" disse...

Põe-se o cão-de-rosa a mijar até ficar tudo azul. Mora da história: a história é imoral.

Os belgas popularizaram-se pelo que deles disse o Júlio na sua Guerra dos Galos e pela excelente cerveja a que os seus padres trapistas se dedicaram. É claro que, a beber cerveja assim, não há labareda que se lhes atravesse à frente. Mal é para mim que me falta uma perna para a levantar contra uma árvore para apagar as brasazitas de assar sardinhas.

Minha querida amiga, fiquei muito sensibilizado e muito agradeço a disponibilidade do teu ombro fofo. talvez aproveite.

beijos.

BlueVelvet disse...

Sabia do "maneken pis" mas não sabia do resto.
Já vi que estás bem disposta:)
Bom fim-de-semana e beijinhos

Violeta disse...

que interessante..

O diabo está nos detalhes disse...

sempre útil..

Licínia Quitério disse...

Que tal um slogan para essa cidade: "Venha fazer chichi connosco!"

Não sabia dos cãezinhos.

Beijinhos.

também por lá andei disse...

Bem achado e muito bem contado!
É pena faltar a foto da irmã (ou prima) do Manneken que, num beco ao lado das tais "moules à Léon", também parece ter ajudado o mano (ou primo) e mais o canino com vocação de bombeiro "bruxellois" a apagarem incêndios.

Fernando Samuel disse...

Não há incêndio que resista ... à imaginação popular...


Um beijo.

Duarte disse...

Gostei muito da lição de hoje. Não a conhecia, tem um certo sabor popular. Menos ainda das estatuas dedicadas ao acto de aliviar a bexiga canina: aprenderão?!

Um grande abraço e uma meiguice

mena m. disse...

Passeando por Bruxelas acompanhados por Brel!
Perfeito!

Um dia destes irei lá, finalmente visitar a minha cunhada e sobrinhas:-)!

Os cães são giríssimos!
Aqui em Berlim as estátuas teriam que ser as fazer a outra necessidade, para retratar bem esta cidade, que fora disso é maravilhosa!

Um beijinho e bom fim-de-semana!

Carlos Barbosa de Oliveira disse...

Vinda dos belgas, tanta criatividade desvanece-me...

Juani lopes disse...

se suele decir, nunca te acostaras sin saber algo nuevo
que pases un feliz fin de semana
saluditos

Gárgola disse...

Não sei si já inventaram alguma coisa para combater os funcionários piromaníacos da UEE (vou averiguar). Tantas vezes as idéias dali põem os bombeiros em alerta máximo –isso sim é um perigo, pois as vezes os incêndios que provocam, correm meio mundo ou o mundo inteiro.
Em todo caso, o cachorro, olhado rápido, parece um porquinho. Por que será?

beijos

sonia a. mascaro disse...

Descobri seu blog ( e gostei!) porque estava procurando alguma referência a um livro que adoro, aliás, quatro: "O Quarteto de Alexandria". Imagino que ele seja também muito especial para você.
Um abraço de Sonia, São Paulo, Brasil.

vida de vidro disse...

Mas o menino é tão pequenino que não sei se salvaria o que quer que fosse de um incêndio... :) A primeira vez que estive em Bruxelas, quase não dava por ele, apesar de estar mesmo à minha frente.
Agora, os cãezinhos têm a sua piada. **

bettips disse...

Formas giras de brincar à História. Imagino que estejam alguns à "porta" do parlamento, lembrando que até os bichos têm necessidades básicas - o que os parlamentares muito esquecem em relação aos homens!
Bjinho

Fa menor disse...

Interessante!

Bonitas fotos!

Bjs

Benó disse...

Recordações da tua última viagem e que nos ofereces. Obrigada, amiga.

mfc disse...

A vida faz-se de coisas simples e do nosso olhar sorridente sobre elas!
Um beijo grande.

Mar Arável disse...

Hoje mesmo em lenda

o moço não teria sorte

O incêndio

é colossal

Arabica disse...

Será que os pombos da capital conseguiriam tamanha proeza com as suas caquinhas??? :)


Julgo que já nem sorte nos trazem :)


Beijo e um bom fim de semana

mariam disse...

Justine,

não sabia! rsrs

realmente ele há estórias ! que coisa...

bom fim de semana
um sorriso :) e um...até já'
mariam


ah! e uma festinha no Mounty, tenho-me esquecido dele!

Portaria ILEGAL disse...

Convido o autor deste blog assim como os seus leitores a verem o anúncio que coloquei no blog: http://portaria-59.blogspot.com/
que levanta sérias duvidas acerca do caso BPN.
Cumprimentos e obrigado

GR disse...

Não sabia!
Espero que os cães (lá) sejam, mais bem tratados do que em Portugal.
Adorei as fotos.

Bjs,

GR

mdsol disse...

Só me lembro do menino...
E aplaudo o sentido de humor da municipalidade...
E aplaudo, ainda mais, o modo como mostras estas "curiosidades"...
beijinho

:))

Lúcia disse...

parece que sim, parece:))

jawaa disse...

O «Maneken pis» em versão canina é realmente uma surpresa para mim.
Na verdade, como li acima, poderiam ter encontrado um modelo de cão com um focinho mais elegante, mas eles são belgas...

Beijinho

M. disse...

Uma graça estas esculturas.